sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Dezembro, outra vez.

Apenas quatro meses! Entrei vi o teu peluche e tu deitado com ele à cabeceira. A tua mão, tão pequenina, agarrou na minha e eu fiquei presa a ti . Sorriste . Quatro ... Fui para visitar a minha amiga. Foi a minha primeira vez. Tive que respirar fundo antes de entrar e, inicialmente, não quis olhar os rostos. Depois, devagarinho.
O sofrimento... é indizível. Como viver com isto? A sala de isolamento, o teu olhar!
"maria"
foto de ma®ia

1 comentário: